Radiologia Odontológica DigitalTomografia Computadorizada Odontológica Cone Beam
Cancer Cabeça e Pescoço

Dose de Sabedoria #6

Julho Verde | Câncer de Cabeça e Pescoço – A Contribuição da Radiologia Odontológica

A campanha Julho Verde visa destacar a importância da conscientização sobre a prevenção e o diagnóstico precoce no combate ao câncer de cabeça e pescoço. O mês de atenção à doença surgiu em 2014 no Congresso Mundial da Federação Internacional das Sociedades Oncológicas de Cabeça e Pescoço (IFHNOS) e a Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP). São considerados tumores dessa região aqueles localizados na boca, faringe, laringe, glândulas salivares, cavidade nasal, seios paranasais, tireoide, pele, ossos e partes moles da região, no qual os sítios mais comuns são na região da boca, laringe e faringe.

Para o Drº Ricardo Gama Ribeiro Gama, cirurgião oncologista da equipe de cabeça e pescoço do Hospital do Amor (HA), Barretos – SP, muitos diagnósticos são feitos por dentistas., mas, também é fundamental procurar um médico de sua confiança se perceber qualquer alteração.

De acordo com dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer), a cada ano surgem 43 mil novos casos de cânceres que envolvem as regiões da cabeça e pescoço, resultando em 10 mil mortes por ano. Para o médico, o problema é que muitos desses casos são diagnosticados tardiamente, o que prejudica o tratamento e as chances de cura. “A necessidade da campanha nasceu da falta de esclarecimento da população e profissionais da área de saúde sobre a doença. Apesar de ser de fácil acesso o exame clínico, o câncer de boca – o mais comum em nosso meio (em cerca de 70% a 80% das vezes), é diagnosticado em fase avançada, o que acarreta alta mortalidade e graves sequelas relacionadas ao tratamento realizado.

Sinais e sintomas

É importante que as pessoas fiquem atentas sobre os sinais e sintomas da doença. Os mais comuns são caroços ou nódulos no pescoço, feridas na boca com mais de 15 dias que não cicatrizam e rouquidão.

julho-verde-sintomas-2

 

Prevenção

Quando se fala em prevenção de câncer de cabeça e pescoço, tabagistas e etilistas devem ter atenção redobrada, pois cigarro e álcool são fatores de risco e aumentam as chances de desenvolver a doença. Além desses fatores, nos últimos anos observa-se um crescente aumento de casos de câncer relacionado ao vírus HPV em pessoas que não fumam e não bebem.
A incorporação de bons hábitos, como a escovação da boca e dental três vezes ao dia, ir ao dentista duas vezes ao ano e alimentação rica em legumes, verduras e frutas, é essencial para a saúde da boca e como de prevenção.

Radiograficamente, o cirurgião dentista deve atentar-se as imagens que contêm área(s) radiolúcida(s) e de contornos mal definidos, com aspecto de roído de traça. As principais características são:
• Destruição de corticais ósseas,
• Limites indefinidos,
• Dentes flutuantes.

No caso a seguir retrata uma imagem de densidade heterogênea, aspecto de “roído” de traça, sem limites definidos, localizada na região de corpo mandibular. Observa-se que não há uma reabsorção severa das estruturas dentária; os dentes apresentam- se flutuantes. Após exame clínico, história clínica e análise histopatológica o diagnóstico final de Carcinoma Espinocelular invasivo. A conduto foi o encaminhamento imediato para o atendimento médico especializado.

radiografia-cancer-boca

Ressaltamos a importância do diagnóstico precoce, formas de prevenção e manejo do tratamento e de suas complicações a curto, médio e longo prazo, visando melhorias na qualidade de vida do paciente e melhor prognóstico, assim, a Radiologia Jardim auxilia na divulgação do “Julho Verde”.

Dose de Sabedoria por: Dra Ana Luiza Riul, Dr. Luis Fernando Jardim e Dra. Patrícia Jardim

Siga-nos nas REDES SOCIAIS